A expectativa era que alguma autoridade derruba-se o recurso de bloqueio do WhatsApp no Brasil. Mas para a felicidade da turma do ‘Telegram’ a espera vai aumentar.

Publicidade

o desembargador Cezário Siqueira Neto do Tribunal de Justiça de Sergipe, negou o recurso de pedido de desbloqueio do WhatsApp. A medida foi aplicada ontem a partir das 14h pelo juiz Marcel Montalvão, da comarca de Largato (SE).

Confira abaixo o pronunciamento do desembargador:

“Há de ressaltar que o aplicativo, mesmo diante de um problema de tal magnitude, que já se arrasta desde o ano de 2015, e que podia impactar sobre milhões de usuários como ele mesmo afirma, nunca se sensibilizou em enviar especialistas para discutir com o magistrado e com as autoridades policiais interessadas sobre a viabilidade ou não da execução da medida. Preferiu a inércia, quiçá para causar o caos, e, com isso, pressionar o Judiciário a concordar com a sua vontade em não se submeter à legislação brasileira”.

Aguardem pelo próximo capitulo da novela entre Justiça x WhatsApp.

Recurso que pede o desbloqueio do WhatsApp no Brasil é negado