Chrome 81 é lançado após atraso e ganha suporte ao NFC
Chrome 81 é lançado após atraso e ganha suporte ao NFC

A atualização foi inicialmente planejada para ser muito maior, mas vários recursos foram retirados da versão Chrome 81, como um redesenho da interface do usuário dos elementos de formulário da web do Chrome e a remoção do suporte para os protocolos de criptografia TLS 1.0 e TLS 1.1.

O redesenho da interface do usuário não chegou ao Chrome 81 porque os engenheiros do Google não conseguiram dar os retoques finais a tempo. No entanto, os novos controles de formulário estão programados para serem lançados com o Chrome 83, que deve chegar em meados de maio.

Os planos do Google de remover os protocolos de criptografia TLS 1.0 e TLS 1.1 de seu navegador foram adiados para o Chrome 84. A decisão do gigante da pesquisa de adiar a remoção desses protocolos está relacionada ao surto de coronavírus, já que muitos sites críticos de saúde do governo ainda usam esses protocolos para definir suas conexões HTTPS.

Suporte para WebNFC e WebXR

O lançamento do Chrome 81 oferece suporte ao novo padrão NFC do navegador do Google por meio da nova API WEB NFC. Enquanto a maioria dos smartphones modernos já suporta NFC, até agora os usuários tinham que baixar um aplicativo separado para verificar as tags NFC. O novo padrão WEB NFC permitirá que sites interajam com tags NFC sem exigir que os usuários tenham um aplicativo especial instalado em seus smartphones.

O Google acredita que, ao adicionar o padrão NFC da Web ao Chrome, isso pode levar a que mais tags NFC sejam usadas em locais como museus, galerias de arte e conferências, bem como em sites e intranets corporativas. A partir de agora, o recurso não estará disponível para todos os usuários, mas estará disponível apenas como teste de campo.

O teste de campo será executado do Chrome 81 ao Chrome 83 antes que o recurso seja lançado para todos os usuários no Chrome 84. O suporte inicial ao WebXR também foi adicionado ao Chrome 81 para permitir que os usuários usem realidade aumentada no navegador do Google.