Toshiba não fabricará mais laptop
Toshiba está se juntando os gigantes japoneses da tecnologia que se retiraram da indústria de PCs.

O Gizmodo relatou que a Toshiba silenciosamente vendeu sua participação remanescente de e sua marca Dynabook para a Sharp, oficialmente saindo do negócio de e PC em geral. A empresa já não era um nome importante em PCs (vendeu a participação de 80,1% para a Sharp em 2018), encerrando o fim de um capítulo de 35 anos na história de computadores pessoais.

A empresa foi pioneira no segmento de computadores portáteis, conforme explicou a Computer World. Seu T1100 de 1985 é considerado o primeiro laptop convencional, definindo um modelo de design para portáteis que não mudou muito até a linha PowerBook da Apple em 1991. A Toshiba prosperou nos anos 1990 e 2000 com suas linhas Satellite, Portégé e Qosmio.

Publicidade

Outros fracassos como o HD DVD ficaram marcados

Player HD DVD da Toshiba
Player HD DVD da Toshiba

Não se sabe exatamente o que motivou o declínio da Toshiba, embora haja uma série de fatores prováveis. A aposta fracassada da Toshiba no HD DVD não ajudou. Ela produziu laptops centrados em mídia cujo recurso principal se tornou inútil quando o Blu-ray e o streaming assumiram o controle.

Como o The Register observou, rivais como Apple, Dell e Lenovo também venceram a Toshiba em seu próprio jogo com ultra portáteis como a série MacBook Air e XPS. A Toshiba ainda é um nome importante na computação em categorias como impressão e armazenamento, e tem dedos em categorias como energia e varejo.